Motive-se

O último Motive-se do ano…

View more

Usei… E gostei!

Como faço tratamento com a…

View more

Mês: Dezembro

Agora que as férias do…

View more

Motive-se

Mais um achado do Pinterest……

View more

Anna e o beijo francês

Escritora: Stephanie Perkins ǀǀ Editora:…

View more

Usei… E não gostei!

O protetor solar facial é…

View more

Mês: Novembro

Este mês vamos de livros…

View more

Mês: Outubro

As últimas dicas infanto-juvenil para…

View more

Motive-se

Motive-se

O último Motive-se do ano é da fashion designer Carolina Lima. Elas faz frases sinceronas nos darem motivação de uma forma alegre e descontraída e por isso achei excelente fechar o ano com as frases dela!

Motive-se Motive-se

Leitores, espero que assim como pra mim o motive-se realmente tenha dado um up, principalmente nesses finais de meses conturbados e sem feriados para nos alegrar. Agora só o ano que vem…

 ǀǀ Quer entender o que é o Projeto Motive-se? Venha conferir clicando aqui  ǀǀ

Usei… E gostei!

Como faço tratamento com a dermatologista sempre estou mudando de protetor solar, pois depende muito de como anda a minha pele, por isso vou sempre testá-los e falar para vocês como me senti… O protetor solar de hoje é o Filtro Solar FPS 40 Gel Creme da Adcos.

Adcos FILTRO SOLAR FPS 40 GEL CREME

O que o produto promete:

É um Filtro solar em gel creme com FPS 40 ideal para ser usado no dia a dia que protege a pele dos efeitos imediatos e cumulativos da exposição ao sol, ajuda no combate ao envelhecimento e na prevenção de manchas. Possui Tripla Proteção Ativa: ao DNA celular, aos raios UV (UVB FPS 40 | UVA PPD 14) e às rugas precoces. Sua fórmula é hidratante e auxilia no combate aos radicais livres (antioxidante) e ao fotoenvelhecimento. A textura do filtro solar em gel creme possui alta e rápida absorção, confere efeito mate (toque seco) e é fotoestável por 6 horas.

Eu fiz há um tempo atrás um clareamento de manchas em uma casa de estética que realmente me deixou feliz e lá me indicaram este filtro solar, com o tratamento o meu rosto ficou bem sequinho e até descamou, por isso este protetor solar foi muito eficaz, porque ele realmente hidrata a pele como prometido, mas como o tratamento foi de curto prazo, logo, meu rosto voltou a ficar oleoso, por isso esse protetor solar não ficou mais tão bom.

Adcos FILTRO SOLAR FPS 40 GEL CREME

Por isso vim indicá-lo hoje para quem tem uma pele mais seca e que além de protegê-la quer hidratá-la, porque se esse é o seu caso, esse é o protetor solar ideal para sua pele! Mas claro… Antes de gastar seu rico dinheirinho neste protetor consulte o seu dermatologista para saber se este realmente é o protetor ideal para o seu tipo de pele.

Além de tudo, este protetor tem um cheirinho muito gostoso – e olha que eu tenho problemas com produtos faciais que contém cheiros.

 

Onde você pode comprar este protetor?
Loja Adcos ǀǀ Americanas
Os valores variam de R$ 120,00 a R$ 130,00

 

Mês: Dezembro

Mês Dezembro

Agora que as férias do final do ano estão no início, que tal escolher um romance leve para ler?

1. A aposta de Rachel Van Dyken – Editora Suma de Letras
Descrição: Kacey deveria ter fugido assim que ouviu essas palavras do milionário Jake Titus. O amigo de infância que Kacey não via há anos é hoje um dos homens mais poderosos e cobiçados de Seattle. E ele precisa de um favor dela: que ela finja ser sua noiva em uma viagem para visitar a avó Nadine, que está muito doente. Kacey aceita sem hesitar, afinal, o que poderia acontecer em apenas quatro dias? Mas o que ela não esperava era reencontrar Travis, o irmão mais velho de Jake, Quando mais novo, ele adorava perturbar Kacey: já incendiou uma boneca, colocou uma cobra em seu saco de dormir. Por isso, recebeu dela o apelido de “Satã”. Mas depois de tantos anos, Kacey se vê diante de um homem lindo, por quem se apaixona no momento em que vê o seu sorriso. O que ela não sabe, no entanto, é que os dois irmãos haviam feito uma aposta quando eram meninos: quem se casasse com Kacey receberia um milhão de dólares.

2. É assim que acaba de Colleen Hoover – Editora Galera Record
Descrição: Lily nem sempre teve uma vida fácil, mas isso nunca a impediu de trabalhar arduamente para conquistar a vida tão sonhada. Ela percorreu um longo caminho desde a infância, em uma cidadezinha no Maine: se formou em marketing, mudou para Boston e abriu a própria loja. Então, quando se sente atraída por um lindo neurocirurgião chamado Ryle Kincaid, tudo parece perfeito demais para ser verdade.
Ryle é confiante, teimoso, talvez até um pouco arrogante. Ele também é sensível, brilhante e se sente atraído por Lily. Porém, sua grande aversão a relacionamentos é perturbadora. Além de estar sobrecarregada com as questões sobre seu novo relacionamento, Lily não consegue tirar Atlas Corrigan da cabeça — seu primeiro amor e a ligação com o passado que ela deixou para trás. Ele era seu protetor, alguém com quem tinha grande afinidade. Quando Atlas reaparece de repente, tudo que Lily construiu com Ryle fica em risco.

3. Entre as estrelas de Katie Khan – Editora Bertrand Brasil
Descrição: Num futuro não muito distante, após a aniquilação dos Estados Unidos e do Oriente Médio, a Europa nada mais é que uma utopia na qual, a cada três anos, a população se muda para uma nova comunidade multicultural. Em um desses paraísos, Max conhece Carys, e é amor à primeira vista. Ele logo percebe que Carys é a pessoa com quem deseja passar o resto da vida — uma decisão impossível nesse novo mundo. Conforme o relacionamento dos dois se desenvolve, a conexão entre o tempo deles na Terra e o dilema atual no espaço vai sendo revelado. À deriva entre as estrelas, com apenas noventa minutos de oxigênio, eles concluem que só um deles tem a chance de sobreviver. Mas quem?

4. Doce Lar (Livro I) de Tillie Collie – Editora Essência
Descrição: Aos vinte anos, Molly Shakespeare acha que já sabe de tudo.
Ela leu Descartes e Kant. Ela estudou em Oxford. Ela sabe que as pessoas que te amam também te deixam.
Mas quando Molly se muda da cinzenta Inglaterra para começar uma nova vida nos Estados Unidos, ela descobre que ainda tem muito a aprender. No Alabama os verões são mais quentes, as pessoas mais intimidantes e os alunos de sua nova escola muito mais viciados em futebol. Após conhecer o famoso quarterback Romeu Prince, Molly só consegue pensar em seus olhos castanhos, cabelos loiros, físico perfeito… e em como sua vida tranquila e solitária parece estar a ponto de mudar drasticamente.

Mês - Dezembro

Motive-se

Motive-se

Mais um achado do Pinterest…

A ilustradora Malena Flores criou O Prosa de Cora para expor os seus sentimentos em forma de frases, e é claro que me apaixonei e vim compartilhar com vocês.

Motive-se Motive-se

Espero que vocês tenham gostado, pois essas poucas palavras, me passaram força e paz, pois me mostraram que eu posso, basta eu querer!

ǀǀ Quer entender o que é o Projeto Motive-se? Venha conferir clicando aqui  ǀǀ

Anna e o beijo francês

Escritora: Stephanie Perkins ǀǀ Editora: Novo Conceito ǀǀ 288 Páginas ǀǀ Gênero: Young Adult ǀǀ Classificação: 3,5

Anna e o beijo francêsInformações: Anna Oliphant não está nada entusiasmada com a ideia de se mudar para Paris. Porém, seu pai, um famoso escritor norte-americano, decidiu enviá-la para um colégio interno na Cidade Luz. Anna prefere ficar em Atlanta, onde tem um bom emprego, sua fiel melhor amiga e um namoro prestes a acontecer. Mas, ao chegar a Paris, ela conhece Étienne St. Clair, um rapaz inteligente, charmoso e bonito, que além de muitas qualidades, tem uma namorada… Anna e Étienne se aproximam e as coisas ficam mais complicadas. Será que um ano inteiro de desencontros em Paris terminará com o esperado beijo francês? Ou certas coisas simplesmente não estão destinadas a acontecer?

Opinião: Fazia tempo que eu queria ler este livro, pois vi tanta gente lendo e falando bem dele, que pensei “Eu preciso ler este livro!”. Este foi o primeiro livro da Stephanie que li, tenho o “Isla e o final feliz”, mas não li ainda, porque me falta tempo…

A história é contada por Anna, uma adolescente que é mandada por seu pai para estudar na França, pois ele acredita que ela precisa ter um bom estudo, mas Anna acredita que seu pai quer puni-la, já que ele nunca dá atenção aos filhos (seus pais são separados). De cara percebemos que Anna tem problemas com o seu pai, ela não o aceita, não quer que ele opine em sua vida e ela deixa bem claro que não gosta dos romances que ele escreve, mas por outro lado, ela gosta e ajuda muito sua mãe, cuida de seu irmão pequeno e quer seguir a sua simples vida de adolescente assim, para terminar o colegial e fazer o curso que tanto deseja.

Para ajudá-la na adaptação, seus pais a levam à Paris, assistem palestras com ela, mas eles precisam ir embora e nessa despedida Anna se pega assustada e chorosa, pois nunca imaginou que iria para um país desconhecido e nem que ficaria lá sozinha! Mas por sua sorte, sua vizinha de quarto é uma fofa e muito simpática – a Meredith -, ela logo percebe que Anna é nova no colégio e vai até seu quarto para convidá-la para um chocolate quente, e é aí que a amizade das duas começa.

Anna e o beijo francês

A escrita do livro é bem leve e é uma história beeeem adolescentezinha, mas que realmente te faz querer ler o livro, eu chegava em casa depois do trabalho, do estresse e queria algo leve, algo tranquilo e esse era o livro! A escrita envolvente da Stephanie me fez querer saber mais sobre a Anna e o que iria acontecer com ela, se ela ia se enturmar, se ela iria bem nas aulas, pois ela não falava francês, e assim segui minha leitura…

Anna passou a fazer parte do circulo de amigos de Meredith, o que fez que com que ela conhecesse o St. Clair, o menino mais bonito e mais cobiçado do colégio – inclusive por sua nova amiga, Meredith. Só que Anna e St. Clair passaram a ser inseparáveis, faziam aulas juntos, tinham conversas paralelas na mesa do almoço e estavam vivendo em seu próprio mundo e se apaixonando, só que havia um problema, St. Clair tinha uma namorada, mas não era qualquer namorada, era uma namorada bela e perfeita a vista de todos – e da Anna também.

Logo Anna percebeu que não foi um erro ter ido a Paris, ela passou a conhecer lugares diferentes, teve seu primeiro porre, se apaixonou, conheceu pessoas maravilhosas, teve problemas com sua melhor amiga – que ficou na sua terra natal -, entre outros problemas de adolescentes, mas havia a dúvida, a dúvida de querer saber se St. Clair sentia o mesmo, se eles ficariam juntos, se tudo ficaria bem, e essas respostas vocês só saberão se lerem e sentirem a mesma leveza que eu tive ao ler este livro.

“É possível que lar seja uma pessoa e não um lugar? Bridge costumava ser meu lar. Talvez St. Clair seja meu novo lar.”