[post-slides]

Você sabia?

A trilogia mais fofa e romântica da vida, irá ganhar uma adaptação cinematográfica! Sabem de qual trilogia estou falando? Claro que é a trilogia da Jenny Han – Para todos garotos que já amei. Meu coração está explodindo de tanta felicidade e ansiedade, para ver esse romance tão aclamado na tela dos cinemas.

Quem adquiriu o direito dos livros foi a produtora do Will Smith, e logo após a confirmação, já soltaram nas redes os atores que irão estrelar nesta história. O filme será dirigido por Susan Johnson, e Sofia Alvarez ficará responsável pelo roteiro. As gravações já começaram em Vancouver, Canadá, mas ainda não há data de estreia.

Os atores que darão vida aos personagens são: Lana Condor como Lara Jean; Noah Centineo como Peter Kavinsky; John Corbert como pai da Lara Jean; Janel Parrish como Margot; Anna Cathcart como Kitty e Israel Broussard como Josh.

Lara Jean e Peter Kavinsky

Para todos garotos que já amei

Pai da Lara Jean e Margot

Para todos garotos que já amei

Kitty e Josh

Para todos garotos que já amei

A adaptação promete ser fiel aos livros. E agora mais do que nunca estou ansiosa para ver a trilogia que me arrancou vários suspiros e lágrimas nas telas dos cinemas. Se você ainda não conhece esta trilogia, precisa mais rápido que nunca lê-la, e você pode encontrar as resenhas dos livros aqui mesmo no blog.

Para todos garotos que já amei
P.S.: Ainda amo você
• Agora e para sempre, Lara Jean

 

Agora e para sempre, Lara Jean

Livro III da trilogia Para todos garotos que já amei

Agora e para sempre, Lara JeanInformações: Escrito por Jenny Han e publicado pela Editora Intrínseca em 2017.

Classificação: Young Adult

Descrição: Na aguardada conclusão da série Para todos os garotos que já amei, Lara Jean vai ter que tomar as decisões mais difíceis de sua vida. Em Para todos os garotos que já amei, as cartas mais secretas de Lara Jean — aquelas em que se declara às suas paixonites platônicas para conseguir superá-las — foram enviadas aos destinatários sem explicação, e em P.S.: Ainda amo você Lara Jean descobriu os altos e baixos de estar em um relacionamento que não é de faz de conta. Na surpreendente e emocionante conclusão da série, o último ano de Lara Jean no colégio não podia estar melhor: ela está apaixonadíssima pelo namorado, Peter; seu pai vai se casar em breve com a vizinha, a sra. Rothschild; e sua irmã mais velha, Margot, vai passar o verão em casa. Mas, por mais que esteja se divertindo muito — organizando o casamento do pai e fazendo planos para os passeios de turma e para o baile de formatura —, Lara Jean não pode ignorar as grandes decisões que precisa tomar, e a principal delas envolve a universidade na qual vai estudar. A menina viu Margot passar pelos mesmos questionamentos, e agora é ela quem precisa decidir se vai deixar sua família — e, quem sabe, o amor de sua vida — para trás. Quando o coração e a razão apontam para direções diferentes, qual deles se deve ouvir?

Opinião: O livro já inicia com a Lara Jean ansiosa e em um pico de estresse grande, tanto que ela passa o livro inteiro descontando este estresse em busca da receita de cookie com gotas de chocolate perfeito.

Seu relacionamento com Peter Kavinsky não poderia estar melhor, eles se encontram no pico da paixão, se entendem melhor, conversam e fazem planos juntos. Como Lara Jean é sonhadora e gosta de programar e fazer tudo mais do que perfeito, ela faz planos para os dois aproveitarem cada minuto juntos dos últimos dias do último ano escolar.

Agora e para sempre, Lara Jean

Mesmo programando tudo para os últimos dias serem perfeitos, Lara Jean ainda arruma um tempo para ajudar seu pai e a sra. Rothschild a planejarem seu casamento e dar atenção para a Margot que está vindo passar as férias em casa, mas há algo que não sai da cabeça de Lara Jean, que é o que sua mãe sempre dizia “Não seja a garota que vai para a faculdade namorando”, esta frase tem um impacto tão grande em Lara Jean, que várias dúvidas surgem e ela ainda tem uma escolha muito importante a fazer, que é escolher para que faculdade ir.

O livro continua com uma escrita leve, no primeiro capítulo já vemos quão maduros os personagens estão e quão estressados com a escolha da faculdade, as mudanças de cidade, o namoro a distância e esses pensamentos geraram problemas e brigas entre a Lara Jean e o Kavinsky que nos fez refletir sobre o que seria melhor para os personagens, e mais uma vez embarcamos nessa história e fazemos parte dela.

Chorei muiiiiito com este livro, mas amei muito também, passei a desenvolver mais carinho pelos personagens principais, passei a gostar até mesmo da Kitty, percebi o quão madura, quão pé no chão e desapegada ela é para a sua idade.

Agora e para sempre, Lara Jean

Esta trilogia sempre estará no meu coração, pois é um encanto, nos prende e nos fascina, não consigo deixar de amá-los! E espero que vocês tenham a oportunidade de ler algo tão leve como esta trilogia.

Leia também: Para todos os garotos que já amei e P.S.: Ainda amo você.



[instagram-feed]