Anna e o beijo francês

Escritora: Stephanie Perkins ǀǀ Editora:…

View more

Usei… E não gostei!

O protetor solar facial é…

View more

Mês: Novembro

Este mês vamos de livros…

View more

Mês: Outubro

As últimas dicas infanto-juvenil para…

View more

Motive-se

Ahhhh… Como eu amo o…

View more

Mês: Outubro

E o mês das crianças…

View more

Usei… E gostei!

Sabe qual é o melhor…

View more

Rocambole de carne moída com purê de batatas

Ingredientes do rocambole • 1…

View more

Mês: Outubro

E o mês das crianças continua por aqui… O dia das crianças é na verdade todos os dias, mas porque não paparicá-las este mês todo com muitas dicas de livros e um belo incentivo a leitura?

1. Cíntia Holmes & Watson e suas incríveis descobertas (Volume 1) de Christiane Gribel – Editora Salamandra
Descrição: Cínthia Holmes, é uma menina muito esperta e precoce para os seus 7 anos. Usando a inteligência e a imaginação, ela deduziu que, com seu sobrenome, só poderia ser descendente do famoso detetive inglês Sherlock Holmes, e que, para fazer jus ao parentesco, ela precisa de duas coisas – fazer investigações e trabalhar com um companheiro, que ela encontra em seu hamster de estimação (Watson). Nesta história desenvolvida em forma de diário, o leitor vai conhecer as primeiras aventuras da dupla e irá acompanhar Cínthia no desvendamento de mistérios e na conquista de um grande amigo.

2. Guilherme Augusto Araujo Fernandes de Mem Fox – Editora Brinque Book
Descrição: Este título é o nome do personagem, que era vizinho de um asilo de idosos, todos seus amigos. Mas era de Dona Antônia que ele mais gostava. Quando soube que ela perdera a memória, quis saber o que isso significava e foi perguntar aos outros moradores do asilo. Como resposta, ouve que memória é algo: bem antigo, que faz chorar, faz rir, vale ouro e é quente… Então, monta uma cesta e vai levá-la a Dona Antônia. Quando ela recebe os presentes ‘maravilhosos’, conchas, marionete, medalha, bola de futebol e um ovo ainda quente, cada um deles lhe devolve a lembrança de belas histórias.

3. Os cinco esquisitos de Beatrice Alemagna – Editora Martins Fontes
Descrição: Eram cinco. Cinco esquisitos. Eles não conseguiam fazer nada na vida, nem tinham vontade de fazer grande coisa. Certo dia, ninguém sabe de onde, chegou um sujeito extraordinário. Com ilustrações e texto muito bem-humorados, Beatrice Alemagna mostra que às vezes as esquisitices são muito menos esquisitas e as perfeições muito menos perfeitas do que parecem.

4. Depois do foram felizes para sempre de Ilan Brenman – Editora Callis
Descrição: E eles viveram felizes para sempre.’ É assim que boa parte dos contos infantis termina, mas o que pode ter acontecido depois disso? O que será que a Branca de Neve, a Rapunzel ou o Pequeno Polegar andaram aprontando após o ‘fim’ da história? Ilan Brenman conta aos pequenos leitores o que aconteceu depois que as histórias chegaram ao ‘fim’.

Mês - Outubro 2018

 

Mês: Agosto

As aulas já começaram, por isso que tal comprar aquele livro legal para as crianças não ficarem apenas no celular? A leitura irá ajudar em todos os campos escolares… Por isso vamos as dicas infanto-juvenis de hoje!

1. Os Moomins e o dilúvio de Tove Jansson – Editora Autêntica e Infanto Juvenil
Descrição: Nessa primeira grande aventura da família, Moomin Pai tinha sumido. Moomintrol e Moomin Mãe saíram à procura de um lugar para se abrigar no inverno e resolveram procurar por ele. No caminho, enfrentaram um dilúvio, conheceram criaturas divertidas e estranhas, fizeram amigos e passaram apertos, até que chegaram ao lugar que viria a ser o Vale dos Moomins, onde muitas aventuras os aguardam…

2. Felpo Silva de Eva Furnari – Editora Moderna
Descrição: Esta é a história do Felpo, um coelho poeta um pouco neurótico. Um dia, ele recebeu a carta de uma fã que discordava dos seus poemas, a Charlô. Ele ficou muito indignado e isso deu início a uma troca de correspondências entre eles. O livro conta essa história de maneira divertida, usando os mais variados tipos de texto, como poema, fábula, carta, manual, receita e até autobiografia, permitindo, assim que o leitor entre em contato com as diversas funções da escrita.

3. As cartas de Ronroroso de Hiawyn Oram – Editora Salamandra
Descrição: Ele se chama Ronroroso Seramago de Bragança B (RB, para encurtar) e tem um problema grande como seu nome de família: apesar de ser um gato de bruxa da mais alta estirpe, sua bruxa, Hilda Bruxilda, quer ser tudo, menos o que deveria ser… Suba na vassoura e divirta-se à beça com os dramas de Ronroroso, o gato da bruxa que não quer ser bruxa!

4. Lolo Barnabé de Eva Furnari – Editora Moderna
Descrição: Nesta história vocês vão ver que Lolo Barnabé era um sujeito inteligente e criativo. Ele nasceu há muito tempo, no tempo das cavernas. E caverna, vocês sabem, é um lugar úmido e escuro. A família do Barnabé, com razão, queria um lugar melhorzinho para morar, com mais conforto. Afinal, vocês vão concordar comigo: conforto é bom demais. Só que, nessa busca, algo saiu errado. Você é capaz de entender o que foi que aconteceu?

Mês - Agosto 2018

Mês: Julho

Julho 2018

O mês de julho é um ótimo mês para ajudarmos os nossos pequenos que estão aprendendo a ler, e podemos fazer isso incentivando a leitura de cartazes, listas e até mesmo de pequenos livros, por isso hoje vim dar indicações de livros curtos para serem lidos e apreciados pelos nossos pequenos.

1. Da pequena toupeira que queria saber quem tinha feito cocô na cabeça dela de Werner Holzwarth – Editora Companhia das Letrinhas
Descrição: Para esclarecer o enigma, a pequena toupeira interroga todos os animais que encontra no campo, até que finalmente, graças à ajuda de uma dupla de especialistas, acha o culpado e dá um jeito de se vingar.

2. Charalina de Nelson Albbisu – Editora Paulinas
Descrição: Charalina é uma velha chaleira que depois de muitos anos de serviço na cozinha, vive jogada no quintal. No entanto, a natureza a acolhe e faz nascer dentro dela uma linda flor.

3. A Zeropeia de Herbert de Souza – Editora Salamandra
Descrição: A centopeia está andando por aí quando encontra uma barata e, também, um grande dilema: se com seis pernas a barata consegue ser tão ágil, será que uma centopeia precisa mesmo de cem? O boi, com apenas quatro, sabe se virar muito bem… E o macaco, com duas, consegue fazer tanta coisa… Muitos bichos e problemas depois, a centopeia acaba fazendo uma grande descoberta!

4. O joelho Juvenal de Ziraldo – Editora Melhoramentos
Descrição: Juvenal era o joelho de um menino levado. Vivia esfolado, é verdade, mas tinha muitos momentos alegres e felizes. Só que o menino cresceu, e Juvenal tem agora um reivindicação a fazer.

Mês: Julho

Mês: Julho

Julho 2018

Com a chegada das férias, chegou também a oportunidade de ler mais, por isso as quatro indicações de hoje são sobre livros que nos trazem histórias infanto-juvenil tendo como tema as… Férias!

1. Minhas férias de Marcelo Coelho – Editora Companhia das Letrinhas
Descrição: ´Eu sempre achava que devia entrar em alguma aventura. Não é que eu fosse muito corajoso. Mas achava bacana imaginar alguma coisa como as que acontecem nos livros – garotos que se perdem numa ilha misteriosa, numa caverna, descobrem um tesouro, enfim, aquilo tudo que se sabe´.
Marcelo Coelho é do tempo em que ninguém escapava de fazer uma redação sobre as férias. O tema não perdeu atualidade, mas antes era regra absoluta. Entrava ano, saía ano, e lá vinha uma professora de português propondo aos alunos que contassem todas as coisas interessantes que tinham vivido no período de descanso. Os alunos eram obrigados a escrever – mesmo que nada de interessante tivesse acontecido com eles.

2. Minhas férias, pula uma linha, parágrafo de Christiane Gribel – Editora Salamandra
Descrição: “Aqueles dois meses inteirinhos de despreocupações estavam prestes a virar 30 linhas de preocupações com acentos, vírgulas, parágrafos e ainda por cima com a letra legível depois de tanto tempo sem treino.’ – Guilherme está no 7º ano, e em seu primeiro dia de aula se vê obrigado a fazer uma redação sobre suas férias. Mas será que é tão divertido assim ver momentos alegres sujeitos a valer nota?

3. As férias da Bruxa Onilda de E. Larreula – Editora Scipione
Descrição: O calor estava infernal, então Bruxa Onilda decidiu tirar férias na praia. Só que ela não sabia como era famosa. Mesmo com chapéu de palha e óculos de sol, tinha de dar autógrafos a uma multidão. Mesmo assim, participou de um concurso de castelos de areia e ganhou o primeiro lugar. O prêmio era uma prancha de windsurfe. Foi aí que começaram as confusões. Bruxa Onilda quase se afogou, foi levada para o hotel e, de tão assediada, decidiu fugir pela janela. O fim das férias foi no hospital, e nem ali ela teve sossego.

4. As férias de Miguel e Pedro de Ruth Rocha – Editora Melhoramentos
Descrição: Miguel e Pedro estão de férias. Eles querem ir para a praia, e não para o sítio do tio Chico, em Minas Gerais. Mas a viagem para a praia não dá certo e eles acabam indo para o sítio. O que fazer lá, já que não tem nem TV nem videogame? Isso eles só descobrem depois, ao entrar no jipão do tio Chico e ao encontrar os primos. Será que dois meninos da cidade vão se divertir no interior?

Julho 2018

Mês: Maio

Maio 2018

Muitas vezes passa desapercebido por nós o dever de ensinar sobre dinheiro para as crianças a nossa volta, por isso vim trazer alguns livros que abordam este assunto de forma divertida e diferente e espero que os ajude a inserir o valor do dinheiro na vida dos pequenos.

1. Como se fosse dinheiro de Ruth Rocha – Editora Salamandra
Descrição: Em ‘Como se fosse dinheiro’ o leitor pode descobrir a diferença entre uma bala e uma moeda. E quando alguém não quiser dar o troco, vai saber que a coisa pode dar bode.

2. Crise financeira na floresta de Ana Paula Hornos – Editora Geraçãozinha
Descrição: Este livro de educação financeira para crianças ensina, de forma lúdica e divertida, a importância do trabalho, do poupar e investir, e o impacto das dívidas e do consumismo. Traz conceitos sobre empreendedorismo e trabalha valores como honestidade e ética. Indicado para crianças de 7 a 12 anos, esta história pode ser útil para qualquer um que queira entender como se forma uma crise financeira e seus impactos. É fundamental ensinar, desde cedo, valores de educação financeira às crianças para que se tornem adultos e cidadãos responsáveis, bem-sucedidos e éticos ao lidarem com o dinheiro.

3. Dinheiro compra tudo? de Cássia D’Aquino – Editora Moderna
Descrição: Onde é fabricado o dinheiro? As moedas têm sempre o mesmo formato? Qual a maior cédula do mundo? Afinal, dinheiro compra ou não felicidade? As respostas para essas e outras perguntas estão reunidas neste livro. Além de aprender um montão de novidades, os alunos poderão rir com as anedotas, desvendar truques de mágica, aprender a plantar dinheiro e fabricar as moedinhas mais saborosas do mundo!

4. O poço dos desejos de Álvaro Modernell – Editora Mais Ativos
Descrição: Fundamentos de finanças abordados de maneira agradável às crianças. Belinha descobre que no quintal de sua casa há um Poço dos Desejos. Mas, com o tempo e a ajuda dos pais, ela descobre muito mais. Aprende que seus desejos podem realmente ser realizados. Mas é preciso paciência e perseverança. Ela percebe a importância do tempo para a formação de patrimônio e valorização de investimentos. A história resgata elementos de fábulas famosas para auxiliar na educação financeira infantil.

Maio 2018

Mês: Outubro

Mês Outubro

Mais uma sessão de dicas de livros infanto-juvenil, pois ler para crianças e incentivá-los a lerem nunca é demais… Além do mais, este é o mês dedicado as crianças, e não há nada mais gostoso do que presentear uma criança com um bom livro!

1. Onde vivem os monstros de Maurice Sendak – Editora Cosac Naify
Descrição: Na história escrita em 1963, o garoto Max, vestido com sua fantasia de lobo, faz tamanha malcriação que é mandado para o quarto sem jantar. Lá, ele se transporta para uma floresta, embarca em um mini veleiro, navega pelo oceano, por dias, semanas, meses, até chegar na ilha onde vivem os monstros. Max, então, fica livre para mandar e desmandar, longe de regras ou restrições. Mas, quando a saudade de casa e daqueles que realmente o amam começa a apertar o peito, Max fica em dúvida sobre suas escolhas. No livro de Sendak, os conflitos entre obediência e rebeldia são personificados em monstros enormes e cativantes. Trata-se de uma bela obra sobre a infância e a eterna luta entre a liberdade almejada pelas crianças e a autoridade dos pais. O autor reconstruiu, de forma imaginativa e sensível, os sentimentos e as emoções silenciados na infância.

2. O Menino Maluquinho de Ziraldo – Editora Melhoramentos
Descrição: Na obra infantil, verso e desenho contam a história de um menino traquinas que aprontava muita confusão. Alegria da casa, liderava a garotada, era sabido e um amigão. Fazia versinhos, canções, inventava brincadeiras.Tirava dez em todas as matérias, mas era zero em comportamento. Menino maluquinho, diziam. Mas na verdade ele era um menino feliz.

3. Marcelo, marmelo, martelo  de Ruth Rocha – Editora Salamandra
Descrição: Este livro mostra situações reais do cotidiano de um jeito que procura ser simples e de modo colorido. Os personagens dos três contos que compõem este livro são crianças que vivem no espaço urbano. Elas resolvem seus impasses com muita esperteza e vivacidade; Marcelo cria palavras novas, Teresinha e Gabriela descobrem a identidade na diferença e Carlos Alberto compreende a importância da amizade.

4. O senhor Tomatos de Ana Gobel – Editora Autêntica Infantil e Juvenil
Descrição: Um carro novo, rosado e violeta como um bolo de morango com framboesa… O Senhor Tomatos estava feliz da vida com o seu carrinho, todo animado, pronto pra sair passeando pela cidade. Mas aconteceu uma coisa que atrapalhou pra valer os planos dele!

Mês Outubro

Mês: Julho

Mês Julho

Este mês as indicações são de livros que falam sobre bullying, pois este é um assunto que vem instigando muito as pessoas, até mesmo para querer saber como as pessoas sofrem bullying, como se sentem e como reconhecer os sinais. Então, vamos as dicas…

1.Os treze porquês de Jay Asher – Editora Ática
Descrição: Ao voltar da escola, Clay Jensen encontra na porta de casa um misterioso pacote com seu nome. Dentro, ele descobre várias fitas cassetes. O garoto ouve as gravações e se dá conta de que elas foram feitas por Hannah Baker – uma colega de classe e antiga paquera -, que cometeu suicídio duas semanas atrás. Nas fitas, Hannah explica que existem treze motivos que a levaram à decisão de se matar. Clay é um desses motivos. Agora ele precisa ouvir tudo até o fim para descobrir como contribuiu para esse trágico acontecimento.

2. A lista negra de Jennifer Brown – Editora Gutenberg
Descrição: Abril. Um mês que, inevitavelmente, será sempre lembrado pelo horror de massacres ocorridos em escolas por jovens: 20 de abril de 1999, Columbine, Estados Unidos; 26 de abril de 2002 , Erfurt, Alemanha; 16 de abril de 2007, Virginia Tech, também nos EUA; e 7 de abril de 2011, Realengo, Brasil. Além desses, muitos outros já ocuparam os noticiários do mundo inteiro, chocando pela violência com que jovens assassinam seus próprios colegas. É com um noticiário como esse que o romance A lista negra abre suas páginas. Lançado agora no Brasil pela Editora Gutenberg, a obra Jennifer Brown é uma ficção que mergulha no mundo juvenil repleto por situações marcadas pelo bullying, preconceito e rejeição.
Essa é a história de Val e Nick. Eles são dois adolescentes que se conhecem no primeiro ano do ensino médio e se identificam de imediato. Val convive com pais ausentes, que brigam o tempo todo e só criticam suas roupas e atitudes. Nick tem uma mãe divorciada que vive em bares atrás de novos namorados. Os dois são alvo de bullying por parte de seus colegas do Colégio Garvin. Nick apanha dos atletas e Val sofre com os apelidos dados pelas meninas bonitas e populares. Ambos compartilham suas angústias num caderno com o nome de todos e tudo que odeiam, criando um oásis, um local de fuga, um momento de desabafo, pelo menos para Val. Já Nick não encara a lista e os comentários como uma simples piada. Há alguns meses, ele abriu fogo contra vários alunos na cantina da escola. Atingida ao tentar detê-lo, Valerie também acaba salvando a vida de uma co¬lega que a maltratava, mas é responsabilizada pela tragédia por causa da lista que ajudou a criar. A lista das pessoas e das coisas que ela e Nick odiavam. A lista que ele usou para escolher seus alvos.

3. Ponte para Terabitia de Katherine Paterson – Editora Salamandra
Descrição: Jess Aarons, um garoto de 10 anos, passou o verão treinando para ser o campeão de corrida da escola. Na volta às aulas, é ultrapassado por uma aluna nova. Os dois tornam-se grandes amigos, e criam um reino imaginário chamado Terabítia, onde governam soberanos protegidos das ameaças e zombarias da vida cotidiana. Até que um dia, uma fatalidade os separa, e Jess precisa ser forte para enfrentar essa triste realidade.

4. Por que Indiana, João? de Danilo Leonardi – Editora Giz Editorial
Descrição: Você pode pensar que, aos quinze anos, João já deveria estar acostumado com provocações, apelidos e humilhações. Afinal, ele é um típico adolescente deslocado e tímido. Alvo perfeito para a ira dos valentões e para o desprezo das garotas. Mas sua vida muda completamente quando reage a um ataque de seu maior algoz. O golpe de sorte que derruba o valentão é gravado e vira hit na internet. João se vê finalmente admirado, respeitado e seguro. Mas tudo tem seu preço e João vai aprender qual o peso que suas escolhas podem ter não só sobre sua vida, mas sobre as vidas de todos ao seu redor.

Mês de Julho

Me contem um pouco dessas histórias se vocês já leram, as indicações 2 e 3 eu já li e vou trazer as resenhas aqui para o blog futuramente.