[mpsp_posts_slider id='1254']

Você sabia?

O livro Objetos Cortantes da Gillian Flynn virará série para a HBO e suas filmagens começaram em 6 de março.  A série será dirigida por Jean-Marc Vallée, responsável pela série Pequenas Grandes Mentiras, série inspirada no romance de Liane Moriarty.

Depois do sucesso de suas adaptações Garota Exemplar e Lugares Escuros, a autora continuará como produtora e contará com a ajuda de Marti Noxon que escreveu alguns episódios de Mad Man e de Glee. A série conta´ra com oito episódios e a atriz Amy Adams irá fazer o papel de Camille Preaker.

Objetos Cortantes

A história do livro é:

Recém-saída de um hospital psiquiátrico, onde foi internada para tratar a tendência à automutilação que deixou seu corpo todo marcado, a repórter de um jornal sem prestígio em Chicago, Camille Preaker, tem um novo desafio pela frente. Frank Curry, o editor-chefe da publicação, pede que ela retorne à cidade onde nasceu para cobrir o caso de uma menina assassinada e outra misteriosamente desaparecida.
Desde que deixou a pequena Wind Gap, no Missouri, oito anos antes, Camille quase não falou com a mãe neurótica, o padrasto e a meia-irmã, praticamente uma desconhecida. Mas, sem recursos para se hospedar na cidade, é obrigada a ficar na casa da família e lidar com todas as reminiscências de seu passado.
Entrevistando velhos conhecidos e recém-chegados a fim de aprofundar as investigações e elaborar sua matéria, a jornalista relembra a infância e a adolescência conturbadas e aos poucos desvenda os segredos de sua família, quase tão macabros quanto as cicatrizes sob suas roupas.

Sou muito suspeita para falar sobre os thrillers da Gillian, pois o primeiro que li (Garota Exemplar) me prendeu de tal forma que fiquei apaixonada por sua escrita, e logo corri atrás dos demais livros dela, por isso tenho certeza de que esta série será igualmente boa como as demais adaptações da autora.

Os preferidos de 2015

Depois de lhes apresentar as minhas decepções, vamos para a parte boa, que são os meus preferidos, que me arrancaram suspiros, choros, dúvidas, me fizeram refletir e até me deixaram com depressão pós leitura.

1- Maybe Someday  da Collen Hoover

Não tenho nem palavras para descrever este livro, de tão fofo e encantador. Ele ainda não foi lançado no Brasil, mas uma leitora do instagram me passou por e-mail e quem quiser, pode deixar o e-mail nos comentários que eu envio 😉 Mas voltando ao livro… Ele tem uma trilha sonora que acabou com as minhas estruturas, fui lendo e ouvindo-a e isso me deixou mais sensibilizada pela história e foi aí que passei a caçar mais livros da Collen, rs.

Melhores

2- Para todos garotos que já amei da Jenny Han

Que romance fofo! Do início ao fim a Lara Jean me conquistou com suas atitudes e suas mudanças de personalidade e fora que me apaixonei pelo Peter. O livro possui uma escrita envolvente e cativante, pois as situações que acontecem chegam a serem engraçadas, pois a Lara Jean passa a se envolver em cada situação fora da sua zona de conforto que me fez devorar o livro rapidamente e ao mesmo tempo lê-lo devagar para não acabar logo. Mas em janeiro será lançada a continuação não vejo a hora!

Melhores

3- Mentirosos de E. Lockhart

Que livro foi esse? Não tenho muito o que dizer e nem posso, senão acabarei com todo o suspense que há na história. Mas só digo uma coisa… Todos devem ler este livro! E há uma frase no livro que diz tudo o que senti ao finalizar esta leitura: “Não existe uma palavra no Scrabble para descrever como me sinto…”

Melhores

4- Não se apega, não da Isabela Freitas

Vou confessar que me apaixonei primeiramente pela capa (mais uma vez deixando as capas me influenciarem), mas essa não foi uma decepção. Devorei esse livro tão rápido que nem eu mesma acreditei, a escrita da Isabela é simplesmente muito envolvente e me identifiquei muito com a história e o desapego em geral (já escrevi sobre este livro aqui no blog). Eu ri, chorei, suspirei, fiquei brava e me senti deprimida junto com a protagonista e isso me cativou do início ao fim, fora as frases que são ótimas. Enfim o livro vale mais do que a pena ser lido!

Melhores

5- Objetos cortantes da Gillian Flynn

Me apaixonei pela Gillian assim que li o livro “Garota Exemplar” que mudou totalmente minha opinião sobre thrillers psicológicos e me fez ficar fascinada pela sua escrita. O livro possui uma excelente escrita, desenvolvimento e um desfecho de cair o queixo, por isso se tornou um dos meus favoritos e ela uma das minhas escritoras preferidas.

Melhores

Bem estes foram os meus livros preferidos, que abalaram totalmente minhas estruturas em todos os sentidos, por isso vim aqui compartilhar com vocês e realmente indicá-los, pois todos acima devem ser lidos em algum momento da vida.

Melhores

Se você já leu algum livro da lista acima ou pretende ler, deixe seu comentário, vou amar saber 😀

Garota Exemplar

 garota-exemplarInformações: Desde sua publicação, em 2012 pela Editora Intrínseca, “Garota Exemplar” tornou-se sucesso de público e crítica, alcançando o topo das mais prestigiadas listas de mais vendidos ao redor do mundo e consagrando sua autora, Gillian Flynn, como a mais aclamada escritora de suspense da atualidade. O livro foi adaptado ao cinema e teve seu lançamento em 2 de outubro de 2014. Número de páginas: 446.

Descrição:  O livro começa no dia do quinto aniversário de casamento de Nick e Amy Dunne, quando a linda e inteligente esposa de Nick desaparece da casa deles às margens do rio Mississippi. Sinais indicam que se trata de um sequestro violento e Nick rapidamente se torna o principal suspeito. Sob pressão da polícia, da mídia e dos ferozmente amorosos pais de Amy, Nick desfia uma série interminável de mentiras, meias verdades e comportamento inapropriado. Ele é evasivo e amargo — mas seria um assassino? Ao mesmo tempo, passagens do diário de Amy revelam um casamento tumultuado — mas ela estaria contando toda a história? Alternando entre os pontos de vista de Nick e Amy, Flynn cria uma aura de dúvidas em que o cenário muda a cada capítulo. À medida que as revelações surgem, fica claro que, se existe alguma verdade nos discursos de Nick e Amy, ela é mais sombria, distorcida e assustadora do que podemos imaginar. Magistralmente bem construído do início ao fim, “Garota Exemplar” é um daqueles livros impossíveis de largar e sobre o qual se quer debater assim que a leitura termina.

Opinião: Este foi o primeiro livro que li da autora, Gillian Flynn, e confesso que após ler este livro, pretendo ler todos os livros que ela já publicou ou irá publicar, pois o “Garota Exemplar” me prendeu do começo ao fim. É um livro de suspense totalmente diferente de qualquer um que eu já li, ele foi muito bem construído, cada personagem foi suspeito e foram se revelando aos poucos e isso me fez devorar o livro rapidamente, por isso ele entrou na lista dos meus livros favoritos.

Garota Exemplar

O livro é alternado entre os personagens e perspectivas – passado e presente -, cada parte pertence a um personagem, seja ele o Nick Dunne, o marido, ou pela Amy Elliot Dunne, a esposa. No primeiro capítulo, ou “Parte um” tudo que o Nick narra é o que está acontecendo no momento em sua vida e com a descoberta do desaparecimento de sua esposa Amy. O que sabemos no primeiro capítulo sobre a Amy é retirado do seu diário que foi encontrado pela polícia, mas já no segundo capítulo, ou “Parte dois” e a “Parte três” a Amy começa a narrar os fatos que estão acontecendo no momento e também recebemos as respostas de todas as nossas questões levantadas ao decorrer da “Parte um”

De primeira instancia tudo o que foi retirado do diário da Amy vai nos guiando e nos fazendo tirar várias conclusões e ter pelo menos um suspeito. Esse diário que a Amy deixou nos conta desde quando o casal se conheceu em uma festa da faculdade até o momento em que ela sumiu, e tudo é escrito com muitos detalhes para que possamos realmente entender como é o relacionamento dos dois desde o início – a paixão da Amy pelo esposo, os medos que ela foi adquirindo após o casamento – e isso nos fez ficar a favor da Amy e realmente gostar dela.

Mas conforme nossa leitura vai progredindo nossas opiniões já são mudadas e novas dúvidas vão surgindo, pois a Amy começa a fazer as suas declarações do presente e de onde ela está e o que está fazendo e isso me deixou de queixo caído, pois tudo que eu achava ser, não era, e então comecei a criar novas teses e novas opiniões sobre os personagens, o que me fez sentir mais instigada a ler o livro.

Garota Exemplar

Tudo que acontece no livro com os personagens é algo muito bem planejado, o que nos leva a crer que são todos muito frios e calculistas e aí você já não sabe mais quem é culpado, quem realmente estava errado, qual era o real motivo e ainda tem muita história para acontecer e desenrolar o que nos deixa com mais vontade de saber o real motivo do culpado.

Este é um livro que realmente deve ser lido por todas pessoas por ser uma leitura marcante, mesmo quem gosta apenas de romance deveria lê-lo porque há o romance entre o casal nas descrições da Amy.

O “Garota Exemplar” tem este nome, por causa da coleção de livros que os pais da Amy escrevem desde que ela é pequena sobre uma garota que faz tudo corretamente e segue todas as regras, ou seja, para seguir a personagem e dar bom exemplo ela sempre tem que ser uma garota exemplar e o livro nos mostra como isso afetou a Amy e a sua personalidade.

 

Gillian Flynn realmente sabe o que faz e como fazer, pois o livro é maravilhoso e já estou lendo o terceiro livro dela, por causa desse enredo que foi muito bem construído em “Garota Exemplar”. Ela levanta questões sobre relacionamentos abusivos, sobre pessoas psicologicamente perturbadas e sobre família e tudo isso nos leva a uma reflexão profunda. O diferencial desta autora é a reflexão que ela nos leva ter ao terminar a leitura de um livro escrito por ela, fora a confusão e o impossível que ela nos mostra e nos faz aceitar por conta das mentes perturbadas que existem e não temos conhecimento.

Adaptação cinematográfica: Foi dirigido pelo norte-americano David Fincher. O filme ganhou excelentes criticas e foi bem aceito pelo publico, sua história foi bem colocada no cinema e na minha opinião seguiu a risca o livro, tanto que fica muito claro as divisões das partes igual ao livro.

https://www.youtube.com/watch?v=bGSzrKibTXk

Se você já leu este livro, ou se interessou por causa da dica de hoje deixe seu comentário aqui em baixo!



[instagram-feed]